Paisagens do Nordeste: Casa de Cultura Jorge Amado

Casa de Cultura Jorge Amado





Jorge Leal Amado de Faria (Itabuna, 10 de agosto de 1912 — Salvador, 6 de agosto de 2001) foi um dos mais famosos e traduzidos escritores brasileiros de todos os tempos. Jorge é o autor mais adaptado do cinema, do teatro e da televisão. Verdadeiros sucessos como Dona Flor e Seus Dois Maridos, Tenda dos Milagres, Tieta do Agreste, Gabriela, Cravo e Canela e Tereza Batista Cansada de Guerra foram criações suas. A obra literária de Jorge Amado – 49 livros, ao todo – também já foi tema de escolas de samba por todo o País. Seus livros foram traduzidos em 80 países, em 49 idiomas, bem como em braille e em fitas gravadas para cegos.

Jorge foi superado, em número de vendas, apenas por Paulo Coelho. Mas em seu estilo - o romance ficcional -, não há paralelo no Brasil. Em 1994, a sua obra foi reconhecida com o Prêmio Camões.

Casa de Cultura Jorge Amado

Construído pelo pai do escritor em 1928, o palacete em estilo neoclássico ocupa uma área de 600 metros quadrados, com cinco metros de pé direito, piso de jacarandá e azulejos ingleses na varanda. Inaugurada em 1988, a Casa de Cultura abriga em seus grandes salões a Fundação Cultural, a Academia de Letras e o Instituto Histórico de Ilhéus. As visitas guiadas conduzem ao quarto do escritor, onde estão expostas as capas de edições de sua obra, fotos antigas e objetos pessoais.

Antiga residência dos Amado e local onde Jorge Amado iniciou seus primeiros escritos. Reformada e transformada em Casa de Cultura Jorge Amado, inaugurada 27 de Junho de 1997. Local: Rua Jorge Amado, 21 - centro histórico.

Cidade: Ilhéus
Estado: Bahia

Foto: A/D - Arquivo OpenBrasil.org
Paisagens do Nordeste - OpenBrasil.org
Página anterior Próxima página
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...